Você está aqui: Página Inicial > Notícias > IFPI divulga chamada interna para participação no Projeto Rondon

Notícias

IFPI divulga chamada interna para participação no Projeto Rondon

publicado: 13/06/2018 13h43 última modificação: 13/06/2018 13h43
Propostas devem ser enviadas até 20 de junho para a Pró-reitoria de Extensão

Propostas devem ser enviadas até 20 de junho para a Pró-reitoria de Extensão

O Ministério da Defesa divulgou o edital de processo seletivo para participação na Operação Parnaíba do Projeto Rondon 2019. No Instituto Federal do Piauí, os interessados deverão encaminhar suas propostas para o e-mail proex@ifpi.edu.br até 20 de junho, para que uma comissão faça a avaliação e a escolha da proposta que será encaminhada para a organização do Projeto Rondon.

Esse projeto, criado há mais de 50 anos, tem o objetivo de somar esforços com as lideranças comunitárias e com a população, a fim de contribuir com o desenvolvimento local sustentável e na construção e promoção da cidadania.

Além disso, o Rondon desenvolve ações que tragam benefícios permanentes para as comunidades, principalmente as relacionadas com a melhoria do bem estar social e a capacitação da gestão pública. Busca, ainda, consolidar no universitário brasileiro o sentido de responsabilidade social, coletiva, em prol da cidadania, do desenvolvimento e da defesa dos interesses nacionais, contribuindo na sua formação acadêmica e proporcionando-lhe o conhecimento da realidade brasileira.

A Operação “Parnaíba” será desenvolvida entre os dias 18 de janeiro a 3 de fevereiro de 2019, nos seguintes municípios do Piauí: Amarante, Boa Hora, Boqueirão do Piauí, Cabeceiras do Piauí, Castelo do Piauí, Jatobá do Piauí, Matias Olímpio, Morro do Chapéu do Piauí, Novo Santo Antônio, Nossa Senhora de Nazaré, Nossa Senhora dos Remédios, Porto e São Miguel do Tapuio.

Cada equipe deverá ser formada por 3 professores efetivos, sendo 1 coordenador, 1 adjunto e 1 reserva, sendo obrigatória a participação de 2 (dois). Assim, cada equipe será constituída por 10 (dez) rondonistas, sendo 2 professores e 8 alunos de cursos superiores.

Todos os integrantes da equipe, professores e alunos, deverão ser voluntários, nos termos da Lei nº 9.608, de 18 de fevereiro de 1998, que dispõe sobre o serviço voluntário e dá outras providências.

Caberá ao Campus providenciar a logística de deslocamento da equipe selecionada até Teresina (PI) e o pagamento de seguro de servidores e alunos participantes.

Os projetos devem ser escritos obedecendo aos seguintes eixos: A (Cultura, Direitos Humanos e Justiça) ou B (Comunicação, Meio Ambiente, Tecnologia e Produção e Trabalho).

Confira o site do Projeto Rondon e o edital.